31 de agosto de 2012

"Manual de Tease & Denial para Keyholders" - Cap 4

              

             Depois de meses sem postar nada devido a diversos motivos, estou de volta a postar os textos do manual de T&D, com este capítulo superinteressante. Espero que gostem, pois a partir de agora vou postar com mais frequência. "Cadeado em nós, chave pra elas!"



       4. Rapidinha Manual


            Uma das coisas que podem "atrapalhar" o sexo no casamento (ou vida comum a dois), é que a espontaneidade vai desaparecendo com o tempo, ou nunca existiu. O sexo começa a se tornar algo que acontece de acordo com um planejamento ou hábito.
            Isto não deveria nos surpreender, já que nós seres humanos somos, certamente, criaturas de hábitos.... mas, vamos encarar uma coisa: no caso do sexo, é um tanto entediante, não é? Sempre a mesma coisa, do mesmo jeito, previsível e sem sal.   
            Embora não seja culpa de ninguém, pois isso acontece com ambos.
            Mas, é claro... um dos maiores benefícios da castidade masculina é que ela reacende as chamas da paixão.
            Isso acontece, porque você mantém seu parceiro sempre excitado e carente. Considerando que no seu caso, o relacionamento de vocês dois é bom e a melhora da intimidade é algo que vocês atualmente querem pra vocês, não só o seu parceiro terá as chamas da paixão acesas, mas você também.
            Bem. vamos ao assunto. Nada tende a fazer uma garota ficar molhada entre as pernas e sentir aquela fraqueza nos joelhos mais rápido do que quando um homem que tem pegada, carinhoso e sedutor a masturba tocando e esfregando uma das mãos com vigor bem no clitóris ou bem no ponto G (dentro da vulva) dela.
           Mas uma importante recomendação, rapazes: saibam escolher o momento certo para isso, por favor! Não tentem fazer o que vou descrever abaixo se ela estiver realmente irritada ou incomodada, ou triste com algo... nem se vocês já estão a dois anos sem se tocarem, senão ela vai querer te dar um tapa na cara!
            O gostoso é ser de surpresa, mas se houver alguma dúvida sobre a receptividade dela à essa dica, pergunte: "tudo bem se de vez em quando eu pegar você e te fazer gozar sem você pedir, bem gostoso?" Pode soar agressivo ou chocante, mas é melhor do que fazer de surpresa, ela rejeitar, e você ficar com aquela sensação de "fiz besteira".
            Então, vamos à técnica: agarre-a de surpresa e beije-a apaixonadamente nos lábios e no pescoço (você deve saber o jeitinho que ela gosta mais). Enquanto isso sussurre o quanto você a quer, o quão excitado você está, o quanto você está feliz em não ter permissão dela pra gozar. 
            Seja persistente. Imagine James Bond.
            Supõe-se que um "não" dela significa "sim", considerando que você não vai tentar isso ao menos que você tenha certeza que pode ir adiante até convencê-la a se entregar. Você deve saber que ela permite que você a tente convencer persistentemente, não só achar que pode.
            Abrace-a apertadamente e acaricie com as mãos todo o seu corpo. A chave é calor, paixão e energia.
            Seu objetivo é usar a mão (e a língua for possível) para fazê-la gozar pelo estímulo no clitóris e ponto G por baixo ou por cima da calcinha dela (se ela conseguir gozar assim) o mais rápido que você puder.... como uma "rapidinha" mesmo.
            O homem não vai gozar, então imagina como ele vai ficar depois de fazer você gozar assim!
            Eu pessoalmente, (Sarah), tenho orgasmos explosivos dessa maneira, pura energia queimando dentro de mim de forma intensa e em segundos.
            Eu descobri (Sarah) que a chave para o máximo prazer é realmente deixar rolar 100%, realmente me render às sensações e sentimentos ao ser "forçada" a gozar. (É gostoso fingir que você não quer, mas se entrega para as carícias do seu homem poderoso e sedutor.)

Bonus Tease Nº 1:

            Se você o deixar fazer isso antes de vocês saírem, ou em qualquer outro momento, você pode ter um bocado de diversão, provocando ele depois. Ele vai ficar aceso como um vulcão em erupção e você levará um banho de hormônios e feromônios.
            Se o relacionamento de vocês estiver realmente 100%: Você goza (ou não) depois do carinho dele, e aí você lhe diz que não foi suficiente pra apagar o seu fogo, mas que vocês já estão atrasados e tem que sair logo. Na rua, (ou na internet nessas salas de bate-papo, se vocês não forem sair) dê uns flertes (paqueradas) de leve com outro homem, sem ir longe demais! Na internet você pode até ser mais ousada, mas ao vivo só dê umas piscadelas e uns sorrisos deixando seu parceiro perceber. Se ele reclamar, você pede desculpas e diz que ainda não está sexualmente satisfeita "só com aquela rapidinha mixuruca dele". Quando vocês voltarem pra casa, vocês dois estarão no extremo da excitação, e ele não vai querer decepcionar você diante da "concorrência". Vai ficar doido pra satisfazer você de todas as formas possíveis e te dar muitos orgasmos. Sim, eu (Sarah) digo por experiência.

Bonus Tease Nº 2:

            Não o deixe gozar até você chegar em casa depois de um longo dia.

Bonus Tease Nº 3:

            Não o espere agarrar e "forçar" você ao orgasmo. Agarre você a ele e diga bem excitada exatamente o que você quer que ele te faça, AGORA! Lendo assim dessa maneira, você pode achar difícil, artificial ou inatingível pra você. Mas é possível sim, é claro! Ouse, você e ele vão adorar!