Manual Cuckolding CMC - capítulo 7

Os mitos a respeito do estilo de vida cuckolding

                Apesar de o cuckolding existir como fetiche há séculos, homens que declaram abertamente seu desejo de serem cornos só apareceram nas últimas duas décadas. Por ser recente, muitas pessoas e muitos homens com desejos cuckold são confusos sobre essa prática, e o que o estilo de vida abrange.



                Adicionada a essa confusão, existe o papel que vários websites relacionam à prática, de forma a distorcê-la. Exceto alguns poucos bons sites, a maior parte deles só são publicados na web para alimentar a fantasia de homens que têm o desejo de ser cuckolds, sem considerar a parte realista e crua da coisa. Isso resulta em diversos enganos e preconceitos a respeito desse estilo de vida maravilhoso. Ao mesmo tempo em que este capítulo vai esclarecer a você várias dúvidas que você possa ter, ele também vai te preparar para responder às dúvidas que sua mulher possa ter na hora em que você a revelar sobre seu desejo de ser corno dela.

1º Mito: Homens que desejam ser cuckolds sofrem de alguma desordem psicológica

            A grande maioria das pessoas não conhece o estilo de vida cuckolding, e com isso muitos homens que descobrem esse desejo dentro de si, podem imaginar que estão sofrendo de uma disfunção psicológica. Porém não há nenhuma pesquisa feita sobre esse assunto que aponte uma possibilidade de o homem desejoso de ser corno sofrer de algum distúrbio. Como eu mencionei anteriormente, eu acredito que um gene em particular seja o responsável por criar esse desejo, e que esse comportamento (por parte dos três papéis – cuckold, hotwife e bull), tenha um propósito evolutivo. Muitos dos cuckolds que eu entrevistei enquanto escrevia esse livro admitiram que sentiam essas fantasias muito antes de saberem inclusive que existia esse termo “cuckold”. Isso deixa claro que esse desejo é intrínseco a quem nasce com ele.

2º Mito: Cuckolds são todos fracos de personalidade e acovardados.

            Esse é um preconceito muito comum que as pessoas têm sobre cuckolding. Muita literatura disponível a respeito do assunto aponta o estereótipo de fraqueza temperamental juntamente ou não com falta de hombridade. Isso, definitivamente não é verdade.
                Na vida real, a maioria dos homens que buscam esse estilo de vida são o contrário do que se pode chamar de fraco ou acovaradado. Normalmente são homens com alto quociente emocional e de muito sucesso em sua profissão. Muitos dentre esses também dispõe de boa compleição física. Apesar de muitos fantasiarem sobre serem fracos diante de suas mulheres, na vida real nem sempre é o caso.
                Você já leu acerca da origem do desejo cuckold ser o impulso por competição. Não vou ficar aqui repetindo explicações. Com isso, muitos homens escolhem criar para si mesmos a competição pela mulher que possuem, ao invés de traí-la disputando outras mulheres, sejam  solteiras ou casadas, com outros homens.
                Até agora, todos os homens que eu conheci que se declaram cuckolds, possuem um forte Q.E. Eles podem ser submissos sexuais de suas esposas, mas são fortes na sociedade, e bem sucedidos em seus papéis profissionais.

3º Mito: Cuckolds são todos bissexuais ou homossexuais.

"Vai fazer isso porque eu to mandando. Só isso."


Outro equívoco comum comprado por literatura falsa é que cuckolds são homossexuais e bissexuais. Isso definitivamente não é verdade na maioria dos casos. A maioria dos homens que eu entrevistei e treinei muitas vezes me questionaram se o desejo deles de serem cuckolds tem qualquer indicação sobre eles terem desejos homossexuais e bissexuais. Enquanto alguns homens que estão interessados neste estilo de vida, de fato, têm tendências bissexuais, a maioria dos homens são absolutamente heterossexuais, sem qualquer inclinação para com os homens que participam da vida sexual de suas esposas.
Tornou-se praticamente uma norma em vídeos cuckolding na internet ter que mostar cuckold tendo algum contato bissexual com o comedor de sua mulher. Como eu disse, muito material midiático em relação ao estilo de vida cuckolding é direcionado e projetado para alimentar os desejos suprimidos de alguém que gostaria de ser cuckold nessas premissas.



4º Mito: Homens são cuckolds porque têm pênis pequeno.

                Um equívoco comum é que os homens que querem ser cuckolds não são bem dotados de pênis. Muitos sites e uma larga escala de literatura falsa sobre este tema são responsáveis ​​por este equívoco. O desejo de ser cuckold não tem nada a ver com um homem ser bem dotado ou não.
Na verdade, alguns cuckolds são tão ou mais dotados que os homens que transam com suas mulheres. Embora existam cuckolds que não são bem dotados, é importante entender que não é por causa deste fato que eles procuram o estilo de vida cuckold. Há milhões de homens que não são bem dotados que não têm desejo que sua mulher transe livremente com outro homem. O desejo de ser cuckolded não a ver com o tamanho.
Dito isto, muitos homens que não são bem dotados podem ficar aliviados da enorme pressão de terem que fazer uma ótima performance em satisfazer as suas parceiras sexualmente, depois que eles se envolvem no estilo de vida cuckold. Novamente, a literatura falsa condicionou os homens a acreditar que os que não estão bem dotados não são capazes de satisfazer suas parceiras sexualmente. Embora isso não seja verdade, este condicionamento repetido e reforçado provoca muito estresse mental e afeta o desempenho de muitos homens.
"Olha isso, não tem nem o que dizer, amor. Não preciso te explicar nada."

Por outro lado também, uma vez que um homem entra em um relacionamento cuckold, ele é aliviado da pressão de ser o único responsável por satisfazer o apetite sexual de sua esposa. O que para um cuckold de pinto pequeno pode ser até um alívio em alguns casos. Isso vai muito de cada um. O tamanho do pinto não deve gerar uma celeuma, nem ser uma característica prórpia de todos os cuckolds.



5º Mito: Todas as mulheres de cuckolds são extremamente sexy.

                A maioria das pessoas é levada a acreditar que os homens com fantasias cuckold têm mulheres extremamente lindas como esposas. Isto definitivamente não é verdade. Na verdade, em alguns casos, é o contrário. Algumas das mulheres são de beleza mediana enquanto seus maridos são boa pintas, e considerados até lindos pelas mulheres em geral.
Na maioria dos casos, as mulheres não são modelos super sexy da maneira como as pessoas são levadas a acreditar que elas são. Na verdade, uma das razões mais comuns pelas quais as mulheres se assustam em entrar em um estilo de vida cuckolding é o medo de que outros homens não achá-las sexualmente atraentes.
Quando você confessar seus desejos por um relacionamento cuckold, sua mulher não pode explicitamente admiti-lo, mas esta será uma das razões que podem recusar a vida cuckolding. A maioria das mulheres teme que elas possam não ser mais tão atraentes como eram quando mais jovens. É importante abordar esses medos com sua mulher, e desmistificar isso.


6º Mito: Homens usam o estilo de vida cuckold como pretexto para eventualmente dormirem com outras mulheres.

                Este é um medo comum entre as mulheres. É um argumento válido porque, a princípio, pode parecer que o homem só quer entrar em um estilo de vida cuckold para depois poder justificar ter dormido com outras mulheres depois de permitir o inverso para a esposa.
É importante entender que se uma mulher está sendo persuadida por seu homem para fazê-lo de corno, porque é ele quem assim deseja, então o homem se enquadra na categoria de um cuckold moderno. Lembre-se que cornos modernos preferem permanecer sexual e emocionalmente fiel às suas mulheres. Se uma mulher aceita um pedido para ser hotwife, dificilmente um homem vai querer traí-la, acabar por perdê-la e não encontrar outra mulher que o ame tanto quanto, e que também o satisfaça nesse quesito. Um cuckold que quer se arriscar traindo sua mulher tem muito mais a perder, do ponto de vista sexual fetichista, do que um homem não-cuckold.
Uma vez que os diferentes tipos de cornos são explicados às mulheres eu vi que esse mito sempre se apodera do imaginário delas. Se o homem também quer dormir com alguém, então ele estará propondo um estilo de vida de SWING de casais, e não um estilo de vida CUCKOLD.


7º Mito: Muitas doenças acabam surgindo por causa da prática cuckolding.

                Este é um outro medo que as mulheres têm sobre aderir ao estilo de vida cuckolding. Como qualquer outro encontro sexual, precauções suficientes devem ser tomadas para prevenir doenças e gravidez. Certifique-se de se cuidarem nesse aspecto
Não siga cegamente as atividades que são mostradas em sites cuckold, a menos que você tenha certeza de que você sabe o que você está fazendo. O estilo de vida cuckold é extremamente seguro se as precauções básicas estão sendo tomadas.




8º Mito: O estilo de vida cuckolding destrói relacionamentos.

            Se o homem é um corno clássico não conivente, ou um corno forçado, então, na maioria dos casos, um estilo de vida cuckold vai sim arruinar o relacionamento. Isto é porque o homem não aceita ser cuckold. No entanto, no caso de um corno clássico conivente ou um cuckold moderno, que iniciou o seu próprio cuckolding, o estilo de vida cuckolding só aumenta a intimidade da relação entre o corno e sua mulher. Se você seguir as técnicas ensinadas neste manual, então o risco é absolutamente zero de o cuckolding arruinar o seu relacionamento
  

 9º Mito: Cuckolding tem que necessariamente envolver BDSM

Muitas pessoas acreditam que o estilo de vida cuckold tem que envolver atividades de dominação sadomasoquistas. Uma das razões principais para acreditarem nisso é que a palavra sadomasoquismo ou a parte SM do BDSM vem do nome Leopold von Sacher-Masoch. Na introdução do livro, você leu como ele foi o primeiro homem, de quem se tem registro, a desejar que sua mulher o traísse, para que ele sentisse o prazer na dor da humilhação.



Outras razões incluem a literatura falsa disponível. Enquanto há cuckolds que gostam de BDSM em seu estilo de vida cuckold, há muitos cuckolds que não gostam de quaisquer atividades BDSM. Tudo depende do cuckold, da hotwife e do nível de conforto para isso.
Se você e sua mulher curtem um fetiche de BDSM então vocês podes incorporar isso no relacionamento, em adição à prática cuckolding. Lembre-se, mesmo que vocês incluam BDSM, você ainda deve buscar manter os traços do tipo moderno de cuckold.

10º Mito: Você tem que estar casado para ser um cuckold

            A definição do dicionário para a palavra corno exige que o homem seja casado. No entanto, no mundo real, há muitos homens e mulheres que não são casados, mas ainda desfrutam de um relacionamento cuckold. Como eu disse na introdução, se você tiver uma namorada que te trai ou se você inicia sua namorada na atividade sexual com outro homem, então você também é classificado como um cuckold.



Por fim, é importante que você leia este capítulo mais de uma vez antes de confessar o seu desejo de um estilo de vida cuckold para a sua mulher. Você tem que estar em uma posição de confiança para limpar quaisquer dúvidas e equívocos que ela pode ter sobre o estilo de vida. E ela tem que sentir que você está seguro, convicto e convincente em seus argumentos.


Capítulo 8 - Introdução às Técnicas!


Índice com todos os capítulos


Gostou?? Clica no G+ logo aqui embaixo para ajudar a divulgar. Obrigado!

5 comentários:

  1. Muito bem esclarecedora a postagem. Começei a me interessar por cuckold depois que conheci as práticas femdom, mas no caso do nono mito muitas vezes eu imagino uma relação assim sem ter bdsm, que de fato também é muito interessante. No caso do décimo mito eu imagino esse relacionamento com a namorada, o que acho bem sexy. Não considero meu pênis pequeno, tem uma medida até que boa e tenho vontade de ser cuckold. Pra quem acha que tal estilo de vida destrói relacionamentos é simplesmente por não compartilhar do mesmo gosto ou não conhecer a fundo tal assunto, eu por exemplo acho que causa ainda mais amor entre o casal, além de tornar a relação ainda mais picante, mas para quem não possui conhecimento sobre o assunto acaba imaginando que é um absurdo, porém deve no mínimo respeitar e não criticar. Todos temos desejos, sejam felizes! Parabéns pela postagem!

    ResponderExcluir
  2. Se as duas primeiras imagens forem de um vídeo, eu gostaria de vê-lo se puder me dizer o nome ou o link Squal. Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Luis, eu só tenho as fotos. Você é um cara que participa, então aqui vai o link para você e todos os leitores que participam também poderem baixar: https://goo.gl/4oE8rG

      Excluir
  3. Muito boa as suas matérias, porisso sou um grande fã seu...

    ResponderExcluir

Fala Galera! Fiquem à vontade para comentarem, escrevam o que acharam da postagem! Os comentários anônimos estão liberados.