22 de julho de 2011

O melhor texto que já li sobre castidade masculina!

É pessoal, esta é minha primeira postagem depois da que preparou o blog! Quero colar aqui uma postagem do blog de menina.com amor (http://demeninacomamor.blogspot.com/2011/05/transforme-seu-homem-traicao-vira.html ) que eu achei o texto mais sincero e completo, pois não atende somente a casais BDSM, mas a todos, pois não enfatiza a humilhação e submissão do homem como fetiche, mas simplesmente dá mais foco na melhoria da relação conjugal.

Enquanto não termino de traduzir a obra "The New Brides Guide To Training Her Husband", algo como "O Guia das recém-casadas (ou noivas) para treinar seus maridos.", posto esta maravilhosa postagem da de menina .com. O texto é direcionado para as mulheres, mas eu como homem fiquei louco de tesão ao lê-lo.





Transforme o seu Homem e a Traição em


 Honestidade - Castidade Masculina

Em um relacionamento a traição é sempre uma dúvida permanente, uma incógnita. Só se tem a certeza no pior caso: se a traição se confirmar. Se não, permanece a desconfiança, sensação que a maioria das mulheres sente, assim como o ciúmes. São duas emoções naturais que muitas vezes somos obrigadas a engolir e disfarçar para não dar uma de insegura ou desesperada.

Não trate suas emoções como se você estivesse errada, pois não está. Existem sim parceiros que inspiram confiança total, mas há muitos homens que não são tão maduros quanto você. Alguns talvez só amadureçam com uma dificuldade enorme, depois de uma vida toda errando.


E não estou propondo uma "guerra dos sexos", há homens e homens. Mas estou falando aqui com mulheres maduras e inteligentes, que sabem o que é o amor e que muitas vezes amam profundamente homens imaturos.


O que vou dizer à essas mulheres é que existe uma forma de ajudar o seu parceiro.




Homens e Mulheres

Uma diferença importante entre a mulher e o homem é a atenção que podem dar à atividades simultâneas. Uma mulher pode realizar várias tarefas ao mesmo tempo enquanto o homem precisa se concentrar em uma por vez.


De modo geral, as mulheres usam a fala para se relacionar, e os homens para comunicar fatos. Elas entendem as emoções, eles entendem a lógica racional.


O desejo da mulher se baseia na confiança e intimidade com o parceiro, numa troca de emoções mais profunda. No homem, o desejo surge através da visão, real ou não, seja olhando uma bela mulher ou fantasiando.




Honestidade e Traição

Trair é uma qualidade do imaturo que indica insegurança, indecisão e fraqueza emocional. Muito além disso, é para si mesma que a pessoa que trai está fazendo os piores males. Quem ama e é traido pode sentir dor e decepção, mas quem está deixando de investir no próprio caráter e respeito, quem está afundando na própria mentira e confusão, quem está perdendo uma pessoa que a ama é o próprio traidor.

Honestidade é o oposto, uma qualidade da personalidade bem formada, segura, decidida e que quer crescer. Essa é uma das muitas qualidades admiráveis que se deve ter, mas se a pessoa é honesta é porque atingiu um nível elevado de coerência entre o "lado de fora e o de dentro", as emoções e ações, desejo e obrigação, dar e receber.




Atingir o Equilíbrio na Relação

Seu parceiro não é honesto? Coloque um cinto de castidade nele e veja uma mudança enorme em pouco tempo. O mais difícil é começar, fazer o primeiro movimento e finalmente trancar o brinquedo favorito do seu namorado ou marido. O resto surge naturalmente e é magnífico para a dona da chave e para ele que está preso.

Não seria fantástico para o casal se o lado imaturo se tornasse a pessoa honesta que descrevi? O carinho, cuidado e atenção seriam recíprocos, pois não existe lado mais fraco e a paixão e o amor são equivalentes. Isso é uma relação honesta. Trair é tão comum que não notamos quando isso está acontecendo na frente do nosso nariz sempre que um lado recebe mais do que dá. Trair não é amar de verdade. Pense - você já foi ou está sendo traída?


O controle total sobre o prazer sexual do seu companheiro transforma imediatamente o equilíbrio. Como?


Na natureza, o macho fabrica diariamente milhões de espermatozóides e o instinto animal manda que ele procure fecunda-los o máximo, e mais rápido possível. Sua tendência natural é a traição. A fêmea procura um reprodutor que se mantenha próximo e cuidadoso durante o período em que ela deve gerar os filhotes e que também se mantenha investido na criação deles. As fêmeas tendem naturalmente ao equilíbrio honesto. Também no evoluído animal homem, o desinteresse, relaxamento, sono, e diminuição do afeto após o sexo são evidentes, assim como o desejo de obter o máximo de relações com diferentes parceiras e, em parte, não podemos culpa-lo por seus instintos animais. Mas podemos sim entender o desequilíbrio entre os sexos e desfaze-lo. Na mulher o interesse no parceiro costuma ser mais constante, nos relacionamentos procuramos estabilidade, e após o orgasmo tendemos a ficar mais eufóricas e comprometidas. Tirar do seu parceiro a capacidade de decisão sobre o uso do próprio órgão reprodutor, com o uso de uma jaulinha íntima, deixa ele no estado de constante desejo e negação, equilibrando essas diferenças. E isso desfaz, pelo simples fato da impossibilidade, os problemas da busca por várias parceiras sexuais e do desinteresse pós-coito. Equilíbrio é amor verdadeiro.




Ajude o seu Homem

Mais profundo ainda do que equilibrar as diferenças da natureza, tornar seu marido ou namorado casto é uma das melhores coisas que você poderia fazer à ele. Como disse, trair é auto-destrutivo e impedir que ele faça isso é um favor que ele nunca poderá lhe retribuir a altura.

- A masturbação é uma forma de traição silenciosa e egoísta. Vem acompanhada do pensamento em outras mulheres e a pornografia machista. Ela sempre vai diminuir o interesse na parceira, pois é feita solitariamente. Ela rouba a energia e o tempo e é de surpreender a quantidade de tempo que a masturbação pode ocupar no dia de um homem. Mais ainda, ela torna-se um vício. Primeiro o prazer do relaxamento do gozo, seguido da ausência de relaxamento, queda e culpa, seguidos então por pela necessidade de mais prazer. Isso raro na mulher, pois o estado pós-orgasmo é diferente. Além disso, é óbvio que se um homem pode ter prazer sozinho, ele terá menos motivos para investir na sua namorada ou esposa.


- Concentração é outro efeito do cinto de castidade no homem. Quando seu parceiro ganha o jogo psicológico entre os Impulsos sexuais instintivos e os Pensamentos construtivos ele deu mais um passo em direção a evolução. A mente masculina se ocupa de uma atividade por vez e quando a libido e o desejo a controlam é preciso adiar todo resto, sejam essas atividades ouvir uma conversa, trabalhar, estudar, passear, namorar, cooperar, usar a criatividade, etc. Há momentos do casal que ele deixa de aproveitar pois está excitado com a conversa ou o contato carinhoso e age de forma inapropriada.


- A sensibilidade para as emoções que não sejam excitação será aumentada. É como tapar a visão com uma venda e perceber que os outros sentidos ficam ampliados. No sexo masculino o estado de desejo é predominante, e não estamos falando de algum tarado incontrolável que externaliza loucamente, mas sim que as emoções internas de afeto, amor, paixão, cumplicidade serão empurradas de ladinho ao menor despertar do instinto sexual. Agora imagine que você torna a excitação física impossível com um cadeado, e após um breve momento de frustração e dor, ele terá que redirecionar a energia do desejo retraído para outros sentimentos de afeto na sua direção, pois é você que possuí a capacidade liberar o prazer. Assim, só lhes resta aproveitar conosco momentos mais profundos que ele nunca experimentou antes, descobrindo uma felicidade maior no amor.


- Disposição física e mental. Essa economia de energia, seja pela extinção da masturbação ou o fim de ereções desnecessárias, melhora incrivelmente a performance sexual e a capacidade cognitivaNão há motivo algum para que o parceiro fique com o pau duro se a mulher não deseja transar, em todos os sentidos. Aliás, ainda podemos abusar um pouquinho do poder adquirido e gozar sem que o parceiro faça o mesmo. Treine o seu namorado para ser um expert em sexo oral, ou seu marido para outras formas que lhe dêem muito prazer. Suas amigas vão morrer de inveja! E mesmo sem isso, imagine a disposição do seu homem após semanas (ou meses!) de castidade. Prepare-se pra perder a conta dos minutos - muito melhor do que transar com ele depois de uma sessão secreta de masturbação.

- Veja brotar a honestidade naturalmente. Honesto é o relacionamento equilibrado, entre duas pessoas maduras. A insegurança do homem imaturo faz ele trair, isto é, esquecer, esquivar, se distanciar, investir pouco, em você e na vida em geral. E que enorme diferença terá a vira do seu amado quando ele estiver mais disposto física e mentalmente, sensível, aberto às emoções, concentrado e livre da masturbação! O sinais imediatos são visíveis, e com o tempo, florescerá uma nova personalidade, um verdadeiro novo homem. Isso é um avanço para ele, para você e para o casal.




Seja feliz mulher, use as chaves!

"A paixão aumenta em função dos obstáculos que se lhe opõe" - William Shakespeare.

Se você ama, então já possui a responsabilidade necessária para ser a dona das chaves da jaulinha do seu parceiro. Se ele carece da sua força, então existem dispositivos de castidade masculina pequenos, práticos e simples. Sim, vamos falar da sua felicidade e do seu prazer agora.


É também Shakespeare que diz que amor se vê com o coração, não com os olhos. O amor é um mistério, não se pode escolher, a paixão surge e nem sempre entendemos o porquê. Você encontrou o cara perfeito? Amiga, você tem sorte! Vá ser feliz, aproveite! Se não encontrou você tem três opções: Trocar de parceiro, continuar com ele ou mudar a situação. A verdade é que a maioria das vezes as pessoas não são perfeitas ou feitas para nós. Mas a perfeição não está nas pessoas, e sim no esforço de melhorar sempre. Então você não encontrou o amor ainda? Troque. Se está amando, faça algo para mudar!


Um dos jeitos possíveis para criar uma mudança é tornar o seu homem casto, desejando você perdidamente e te tratando como uma rainha. Por acaso merecemos menos que isso? Não. Todas queremos ser amadas eternamente. E o que mais você quer? Se você é capaz de assumir o controle, tudo é possível.

Para elevar o homem a um estado mais perfeito, fiel, comprometido, atencioso, feliz, conhecedor do amor, desenvolvido, ambicioso e apaixonado basta prender o brinquedinho favorito dele! Como se não bastasse, você ainda pode realizar seus sonhos, desejos e o que mais quiser. Afinal, quem é que está no comando? Ele vai se esforçar para se tornar honesto e colherá os benefícios disso, mas é você vai se divertir o tempo todo.


Trancar o cadeado do cinto de castidade do seu homem terá um efeito imediato. Ele não terá ereções e automaticamente mais nenhum motivo para a traição, é impossível, só de pensar em trair a namorada ou a esposa ele começa a sofrer um pouquinho e é obrigado a parar. Logo no início ele já estará mais inclinado a te ouvir, agradar e até obedecer. Queremos mesmo é provocar essa emoção de desejo e negação para criar nele o hábito de afastar da mente o que não convém. Um experiência é que você pode eventualmente comentar como é bom ter o controle sobre o pênis dele, há há há! Isso atinge e excita qualquer homem, e você vai perceber que ele terá o impulso sexual, mas será obrigado a afastar-lo e se dominar. Provoque mais ainda, aperte as partes do seu amor, só conferindo se o cinto está lá, repetindo o processo de atiçar o desejo e ele ter que desviar a atenção.Manter o estado de desejo e negação é sempre poderoso e vai garantir sua felicidade.


Felicidade garantida sim, ou pelo menos é o que ele desejará loucamente. Por exemplo, ele sempre buscará te deixar satisfeita e vai sofrer quando você não estiver bem. A importância que um homem dá para o seu estado de humor não é a mesma fora e dentro do cinto de castidade. Sim, ele te ama, mas o efeito do seu desinteresse é inegavelmente mais poderoso quando é você que decide como e quando deseja dar prazer a ele, quando você tem o controle sobre seus instintos.

Mas isso é só o começo, vá além. Você é do tipo romântica? Nós adoramos atenção, mimos e massagens. O sexo é um momento de profunda ligação, se não for com todo o romance que você merece você simplesmente não entra no clima. Diga sinto muito, mas não estou mais a fim. Espere oseu tempo, sejam horas, dias ou meses, e quando rolar uma nova oportunidade você tenta de novo, oras. Garanto que na próxima ele vai, todo carinhoso, te encher de beijinhos.

Você é o tipo atlética e gostaria que seu docinho, que é meio sedentário, se animasse mais para caminhar, correr ou pedalar. A energia e disposição que ele tem economizado desde que você trancou o passarinho na gaiola, somados ao novo desejo de acompanhar você serão seus aliados.

Talvez você queira incentivar seu namorado ou marido em algo que ele tem tentado, como parar de fumar, seguir uma dieta, começar a malhar, etc. Use psicologia básica. Elimine a lei do menor esforço, combinando que ele terá mais a perder parado do que ao se esforçar. Ele ficará sem sexo por tempo indeterminado, até que atinja o objetivo. Claro que neste caso você terá que fazer um esforcinho também, ou não.


Você talvez seja o tipo dominadora malvada. Nada melhor para você do que enjaular o pau que você manda. Aliás, qual de nós não adoraria ter um maridinho que arruma, lava, passa e ainda agradece feliz? Leve a provocação até extremos deixando ele realmente excitado com você e então pare e dê as ordens. Você dá as cartas e faz as regras do jogo, então o céu é o limite e sua imaginação pode voar livre.



Mas será possível?

A primeira vista um cinto de castidade parece algo longe da realidade do dia-a-dia, e alguém que o utilize mais impossível ainda. Mas não se engane! Vou apresentar a melhor opção que já encontrei e a unica que eu recomendaria, o CB-6000. Ele éinescapável, fechado a cadeado e sua remoção não é possível sem que a dona das chaves tenha ciência. Impede a relação sexual, a masturbação e a ereção, mas permite a realização de todas as necessidades fisiológicas e a higiene facilmente. É discreto e pode ser usado, na teoria, indefinidamente. É um dos mais confortáveis, na medida do possível, pois o design é simples e engenhoso. Veja você mesma:

Compre o CB-6000 no Brasil: http://www.b3br.com/www/bdbr/index.php?route=product/product&product_id=54


Compre no Brasil 2: http://www.quebarato.com.br/cinto-de-castidade-cb-6000__6837BA.html?a=s


Compre no Brasil 3: http://www.pontocomfetiche.com.br/cinto-de-castidade-masculino-cb6000.html


Site internacional: http://www.stockroom.com/CB-6000-Male-Chastity-Kits-P3021.aspx?ref=3090786


Veja o cinto no youTube: http://www.youtube.com/watch?v=xKLqMNOxIGY


Site oficial do produto: http://www.cb-6000.com/


Não se preocupe, um homem pode, teoricamente, passar a vida inteira sem ejacular. O sémem acumulado é eliminado pela urina. Convém à boa circulação que ele tenha períodos de ereção, pelo menos mensalmente, ainda que apenas como exercício, mas ereções constantes são desnecessárias. E não deixa de ser verdade que é sempre saudável ter orgasmos, tanto para ele quanto para você.


E sim, muitas mulheres tem as chaves desses dispositivos instalados por vários pênis por ai. Elas apresentaram o êxtase da castidade aos seus companheiros e esses passam cada dia mais investidos em suas amadas. Ou até foram presenteadas com uma prova de amor pela submissão da liberdade masculina ao comando da namorada ou esposa.Talvez o seu querido tenha esse desejo, mas não o sabe expressar. Ou então nem saiba que adoraria estar totalmente entregue em suas mãos.


Eu tenho vivido apaixonadamente. A quase 7 anos juntos agora, eu sei aproveitar o que está em minhas mãos. Tenho um namorado honesto, carinhoso, atento e nossos sentimentos são fortes e recíprocos. O sexo também é maravilhoso! Acontece quando eu desejo e ele sempre está pronto para a ação. Sei deixar ele espumando de desejo, provoco e nego para depois recompensar. Posso até deixa-lo várias semanas afoito, somente satisfazendo meus desejos, para então ter o prazer de dar muito prazer à quem amo.


Para mim a descoberta foi espontânea. Durante o primeiro ano e meio juntos nós nos conhecíamos aos poucos. Também gostávamos de explorar nossa sexualidade. Mas logo a relação ia se apoiando mais apenas no sexo. Assim, exploramos mais nossos limites, o que é muito bom. Mas o período mais delicioso como casal começou após me tornar dona território íntimo dele. Foi por acaso que nós conversamos sobre cintos de castidade e a idéia surgiu. Ele não levou a sério e eu ia me interessando de verdade quando pesquisei. E arranjei um, com cadeado e tudo. A verdade é ele se mostrou contrário, mas por dentro ele ficou totalmente excitado. Nós topamos experimentar como uma brincadeira sensual, poderosa, e instigaste. E essa brincadeira se transformou e ensinou ambos. Aprendemos muito um com o outro vivendo com todas as emoções e amando ardentemente.


E essa é a minha experiência. Mulheres e homens são diferentes e tem instintos contrários. Usando a inteligência podemos superar o animal dentro de cada um, mudando o que é destrutivo e estimulando o que é benéfico, com o objetivo de criar um bem comum. A traição é um fato da vida, mas a honestidade é duradoura e cria equilíbrio. E se podemos agir e tomar o controle sobre nossa natureza e nossa vida então vamos abusar da felicidade, conhecer o prazer e eternizar o amor.